R Series: 1 – O que, porque e como – Uma introdução à linguagem R

Buenas pessoal,

Se vocês não estavam aproveitando longas férias ou vivendo debaixo de uma pedra vocês sabem que o SQL Server e o Power BI agora suportam executar scripts escritos em R. Mas o que diabos é R? E porque eu deveria me importar?

O que?

A linguagem R é um framework open source para análise estatistica e data science. Ela foi implementada no começo da década de 1990 e modelada baseado na linguage S para Computação Estatística, que era usada no Bell Labs na década de 70. Porque a linguagem se chama R e não T se ela foi uma evolução do S? Eu não faço a menor idéia, mas essa foi a primeira pergunta que me veio a mente quando eu li sobre a história do R. Se existe um motivo e você sabe qual é, por gentileza comente abaixo me contando e eu posso atualizar essa sessão com os devidos agradecimentos.

Por que?

Vocês sabem que data science / data analysis é a nova tendência. Se você quer ser o cara legal e popular no escritório e ser paparicado da forma que você sabe que você merece, então você tem que aprender data science e estatística. Mas nós odiamos perder tempo reinventando a roda, certo? Então porque não usar um framework que contém milhares de pacotes prontos para serem usados para analisar todos os seus dados de forma rápida? E melhor ainda, de graça? A gente gosta quando é de graça, certo?

Mas vocês não tem que acreditar em mim, vamos ver a opinião de alguem mais importante e rico do que eu:

“A grande beleza do R é que pode modificá-lo para fazer todo tipo de coisa, e você tem um monte de coisa empacotada que já está disponível, então você está de pé nos ombros de gigantes” – Hal Varian, Economista chefe da Google

Viu? Você não quer falar para os seus amigos que você usa o mesmo produto/linguagem que o economista chefe da Google para fazer sua análise de dados? É claro que você quer! Então vamos aprener como iniciar no mundo do R e confie em mim, você não vai se arrepender.

Como

Hoje é seu dia de sorte porque você acabou de achar um site que vai lhe ensinar como ser um cara legal usando R. E o primeiro passo na nossa jornada para ser incrível é instalar e configurar o R na nossa máquina para que possamos começar nossos esforços de conquistar o mundo usando dados.
Nessa série de artigos nós vamos usar o RStudio. Esse é o ambiente mais popular para se trabalhar com R, e antes que vocês perguntem, sim, ele possui uma versão gratuita.

Mas antes que você abandone esse blog e corra para fazer o download do RStudio, você tem que instalar o R. RStudio é apenas uma IDE para o framework R.
Você pode fazer o download da versão mais recente do R no seguinte link: https://cran.rstudio.com/
Enquanto escrevo esse artigo a versão mais recente é a 3.3.3. E eu sei, o site deles é horrível e confuso. Eu também não entendo porque o pessoal do open source são tão ruins em design de sites, talvez eles realmente gostaram de 1995 e querem viver o sonho todo dia.
Mas se você, assim como eu, está instalando o R no Windows, você tem que escolher Windows e então escolher o sub-diretório BASE; você pode ignorar os outros subdiretórios por enquanto.
Quando você terminar de instalar o R, você pode ir em https://www.rstudio.com/products/rstudio/download/ e se você for pão duro como eu sou, escolher o RStudio Desktop Free License.

Se você consegiu fazer esses 2 passos super complicados com sucesso você agora tem o RStudio instalado e ele deve ser parecido om isso:

Agora estamos prontos para começar nossa jornada. Mas assim como em um seriado na TV, eu vou parar por aqui para criar aquela expectativa e fazer vocês voltarem nesse blog o tempo todo para ver o próximo episódio.
Então não saiam daí que voltamos logo com o próximo episódio.

Recent Comments

Leave a Reply

%d bloggers like this: